A “hora de dormir” para crianças em idade pré-escolar e o risco de obesidade na adolescência

25 de agosto de 2016 at 15:09

Trabalho publicado pelo The Journal of Pediatrics buscou determinar se crianças em idade pré-escolar com “hora para dormir” têm menor risco de obesidade na adolescência e se essa redução de risco é modificada pela sensibilidade materna (capacidade de uma mãe para perceber e inferir o significado por trás de sinais comportamentais do seu filho e responder a eles prontamente e de forma adequada).

Os dados de 977 dos 1364 participantes do Study of Early Child Care and Youth Development foram analisados. Nascidos saudáveis de gestação não gemelar, em dez locais dos Estados Unidos, em 1991, eram elegíveis para a inscrição. Em 1995-1996, as mães relataram os hábitos de sono da criança em idade pré-escolar (média=4,7 anos) em uma semana típica e observou-se a interação mãe-filho para avaliar a sensibilidade materna. Em uma idade média de 15 anos, a altura e o peso corporal foram medidos e a obesidade na adolescência foi definida como um percentual de índice de massa corporal, para idade e determinado sexo, ≥ ao percentil 95 de referência dos EUA.

Um quarto das crianças em idade pré-escolar tinha “hora para dormir” cedo (20 horas ou mais cedo), metade tinha “hora para dormir” após 20 horas até 21 horas e um quarto dormia após às 21 horas. A “hora de dormir” das crianças foi semelhante, independentemente da sensibilidade materna (P=0,2). A prevalência de obesidade na adolescência foi de 10%, 16% e 23%, respectivamente, para os horários para dormir citados. Análise multivariável do risco relativo (IC 95%) para a obesidade na adolescência foi de 0,48 (0,29 a 0,82) para pré-escolares com início do sono mais cedo em comparação com pré-escolares que dormiam mais tarde. Este risco não foi modificado pela sensibilidade materna (P=0,99).

As conclusões mostram que crianças em idade pré-escolar com “hora de dormir” mais cedo, de segunda a sexta, tem metade das chances de serem obesas quando adolescentes, comparadas a crianças que dormem em horários mais tardios. A “hora de dormir” é uma rotina modificável que pode ajudar a prevenir a obesidade futura.